Como vai ficar a ergonomia dos seus colaboradores durante o home office?

O que você verá nesse artigo? 

    1. Priorizando a qualidade de vida no home office 
    2. Ajustes no posto de trabalho e na rotina 
    3. Como fazer ajustes rápidos no seu posto de trabalho

Cuidados e dicas práticas

Nesse momento, muitas pessoas já estão há mais de 1 ano em Home office e algumas permanecerão neste modelo de trabalho.  E se no escritório o esforço para que as equipes tivessem uma boa ergonomia já era alta alto, no home office esse cuidado deve ser ainda maior, afinal, muitas pessoas podem acreditar que em casa poderão trabalhar e realizar suas atividades do dia a dia sentados de maneira inadequada ou até mesmo em lugares aparentemente confortáveis como a cama ou o sofá. E é justamente aí que mora o problema, pois, sabemos que essa não é uma boa opção, por isso, se torna cada vez mais importante cuidar e alertar seus colaboradores quanto aos riscos dessas escolhas, para que isso não se torne um problema.

 

Ao garantir uma boa ergonomia das suas equipes, você estará investindo em qualidade de vida e saúde, e o impacto pode ser sentido diretamente na produtividade.   

 

Priorizando a qualidade de vida no home office

A má postura pode causar dores ou desconfortos no pescoço, nas costas, na cabeça e até mesmo nos olhos, além de causar fadiga e poder desencadear uma série de outros problemas, como, tendinites. Portanto, se isso não for visto com urgência pela empresa, futuramente poderá comprometer a saúde e bem-estar dos seus colaboradores, e, como sabemos, poderá gerar afastamentos, gastos médicos e perda de produtividade. 

Incentive suas equipes a ter um ambiente de trabalho organizado e com uma boa iluminação, para que não sobrecarregue a visão, caso contrário, o pescoço, ombros e coluna também podem sofrer as consequências.  

Mas, de nada adianta ter uma boa mesa e cadeira ergonômica se o seu colaborador não foi orientado adequadamente. Existem muitas opções para orientar sobre a ergonomia no Home Office, desde e-books, até webinars e orientações remotas personalizadas com fisioterapeutas (clique aqui para saber mais), ter estas orientações como estratégia do cuidado com as pessoas é fundamental para incentivar e garantir que todos saibam o por que devem manter um bom local de trabalho, com ajustes adequados e a se atentar-se a ergonomia no seu dia-a-dia.

Além dos benefícios sobre a saúde, uma boa ergonomia ajuda também na produtividade, estima-se que com um bom local de trabalho gera até 25% mais produtividade e 67% menos erros.

Em uma pesquisa recente com um de nossos clientes constatamos que, entre as pessoas que utilizam notebook com todos os acessórios, a incidência de dores é mais de 50% menor do que nas pessoas que utilizam o notebook sem os acessórios, agora imagine uma pessoa bem instruída sobre ergonomia e utilizando todos os recursos disponíveis, certamente teremos uma incidência mínima de dores e desconfortos osteomusculares, além de atender os aspectos jurídicos de informações sobre os riscos ergonômicos e como evitá-los, favorecendo a diminuição dos passivos trabalhistas futuros. 

Ajustes no posto de trabalho e na rotina

É importante ressaltar que Ergonomia não é apenas postura e ambiente, esses são os fatores mais simples de serem ajustados, mesmo que com recursos caseiros (Acesse o post no blog). Nos aspectos organizacionais é importante estimular pausas durante a jornada e ter agendas que permitam isso, o excesso de reuniões e a falta de tempo entre os compromissos pode comprometer tanto a saúde quanto o desempenho das equipes, as pausas interferem diretamente na capacidade de atenção e raciocínio, quanto mais longo o período sem pausas maiores as chances de sobrecarga mental e física, pela quantidade de horas sem alternância de postura. 

Outro ponto fundamental é a qualidade das informações trocadas entre as pessoas, evitar envio de áudio e priorizar a escrita, com informações detalhadas, favorece a execução das atividades com maior qualidade e assertividade pois facilita a compreensão, o raciocínio e exige menor tempo de interpretação e memória, auxiliando na melhor performance e redução de erros. 

Estimular as pessoas a se movimentar durante o dia, seja com alongamentos antes de começar a trabalhar ou durante as pausas pode auxiliar na prevenção de dores e desconfortos, para isso, temos nosso programa de Ginástica Laboral remoto para estimular o movimento de suas equipes, além de outros benefícios (que podem ser encontrados aqui).

E por fim, para continuar cuidando da ergonomia das suas equipes, mesmo à distância, descubra o que a Eleva está fazendo para aumentar o bem-estar dos colaboradores e continuar entregando qualidade para você.

 

Gostou dessas dicas? Quer saber mais sobre Gestão de Ergonomia? Clique aqui e fale conosco!

João Barbosa

View posts by João Barbosa
Sócio da ElevaLife, graduado em Fisioterapia (2006), especialista em Ergonomia pelo Senac (2009), ergonomista certificado pela ABERGO. Professor de ergonomia na pós-graduação em Eng. Segurança do Trabalho (UMC) com artigo publicado no Congresso Mundial de Ergonomia (IEA 2012).
Scroll to top