A quarentena tem deixado você muito tenso e irritado?

A quarentena tem deixado você muito tenso e irritado?

Com a chegada da pandemia e a necessidade de isolamento social para muitos, vários sentimentos e sensações foram surgindo ou intensificando conforme esse período foi se estendendo. O estresse é um desses sentimentos que vem incomodando boa parte da população que precisa enfrentar o isolamento. Em um estudo publicado na Lancet (The psychological impacto of quarantine and how to reduce it: rapid review of the evidence) com 165 cidades chinesas, os participantes descreveram sintomas moderados a graves de depressão, ansiedade e estresse durante a pandemia. Um outro estudo realizado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) também evidenciou um aumentou na incidência de sintomas de ansiedade, depressão e estresse durante esse período.

Como o estresse e a ansiedade atuam?

Quando nos vemos diante de uma situação ameaçadora, o organismo reage de forma a se “proteger” dessa situação. Nesta situação de pandemia, onde o medo e a insegurança se tornam presentes em nossa vida, é esperado que o estresse aumente.

Apesar de ser uma reação natural do organismo, quando o estresse está em níveis elevados por um período prolongado de tempo, precisamos ficar atentos, pois alguns sintomas físicos ou mentais podem surgir ou se intensificar.

A ansiedade é um desses sintomas que vem se intensificando na população nesse período. Ela é uma aliada quando em níveis adequados, pois auxilia na tomada de decisões, ajuda a ter pontualidade nos compromissos ou na resolução de um problema. Porém a pandemia surgiu como um período repleto de inseguranças, medos e incertezas.

Essa mistura de sensações causa o aumento dos níveis de estresse e ansiedade, contribuindo para o surgimento de sintomas como:

Sintomas físicos

  • Sensação de desgaste ou cansaço constante;
  • Alterações no sono (dormir muito ou pouco);
  • Tensão muscular;
  • Mudança de apetite (comer demais ou não comer).

Sintomas emocionais

  • Desânimo;
  • Alteração do humor;
  • Irritabilidade;
  • Problemas de atenção, concentração e memória.

Saiba como controlar a tensão muscular e o estresse

Mas qual a melhor forma de aliviar esses sintomas? A tensão acumulada nesse período também pode ser aliviada com estratégias como:

  • Alongar o corpo diariamente;
  • Incluir atividade física na rotina  Não deixar o serviço doméstico acumular e fazê-lo de uma só vez;
  • No home office, evitar ficar sentado por mais de 40 minutos seguidos;
  • Dormir bem e o suficiente para repor as energias;
  • Evitar ler artigos ou matérias e assistir reportagens sobre esse período em excesso.

A recomendação geral é que também devemos buscar realizar atividades que nos proporcionem prazer e descanso, como por exemplo:

  • Relaxamento / Alongamento;
  • Meditação/Mindfulness;
  • Alimentação adequada;
  • Atividade física;
  • Descanso;
  • Lazer.

É fundamental que saibamos controlar nossos níveis de tensão e estresse durante este período para evitarmos desconfortos físicos e problemas emocionais. Por isso, pratique o autoconhecimento e cuide das suas emoções!

Acesse o nosso portal e conheça nosso forma de contribuir para que você consiga manter o seu equilíbrio físico, mental e social.: http://digital.elevalife.com.br/

Luciana Jamas

View posts by Luciana Jamas
Psicóloga na ElevaLife, graduada em Psicologia (2008) é Pos-graduada em Psicologia Hospitalar e da saúde (2011). Formação em psicopatologia (2017). Atuação em Saúde Mental do colaborador desde 2018 e Psicoterapeuta desde 2015.
Scroll to top