Por trás das dores: Conexão entre corpo e mente

Ao longo do dia, a mente controla a forma como reagimos às experiências que vivenciamos, até mesmo o funcionamento do nosso corpo. Partimos então da premissa que não há pensamentos, emoções ou até mesmo crenças, que não causam reações no nosso corpo, pois, elas são a interface da ligação entre esses dois componentes. Isso mostra a importância de nos atentarmos a nossos sentimentos e nos questionarmos se há necessidade de reaver as emoções que situações do cotidiano nos causam.  

E também podemos compreender melhor como a mente e corpo estão interligados, assimentendemos que é possível nos prevenir de algumas dores e doenças e trabalhar para nutrir sentimentos e pensamentos mais saudáveis.  

 

Tudo começa na mente

De origem grega, o nome “psicossomático” é a união de duas palavras, psique e soma, que traduzindo significa alma e corpo. Em outras palavras, a raiz dessa (categoria) de doença está no psicológico. É comum associarmos a causa de doenças psicossomáticas à falta de equilíbrio entre vida profissional e pessoal. No entanto, a compreensão de todos os fatores desse tipo de doença, fortalecerá a prevenção do nosso time contra elas.   

Normalmente, primeiro sentimos os incômodos, para depois ir atrás do tratamento. Porém, quando desenvolvemos o hábito de pensar nas possíveis causas, o tratamento se torna ainda mais eficaz. Sendo assim, praticar o autoconhecimento também é importante para prevenção das ores, visto que é possível nos precaver das manifestações indesejadas das emoções e pensamento, ou, até mesmo identificarmos de antemão os sintomas e nos atentar as possíveis causas

Conexões entre corpo e mente  

Geralmente as experiências de dores e posterior a elas, as doenças, sempre é acompanhada de uma resposta emocional e/ ou cognitiva. Mais do que um simples sintoma, a dor é uma experiência que está dividida em diversos fatores.  

Uma rotina muito estressante e sem o tempo adequado de descanso, tira qualquer pessoa do equilíbrio, não é? Mas, os agravantes da falta de manejo do estresse podem ocasionar em diversos sintomas na sua saúde, prestar atenção em como o seu corpo reage a cada estímulo, ficará mais fácil entender quais emoções são benéficas ou não. Frequentemente, os sintomas iniciais são as dores de cabeça, no estômago, queda de cabelo e até mesmo as alergias, que se não tratados, poderão se tornar doenças crônicas do sistema nervoso, doenças de pele e problemas digestivos.  

Além disso, a ansiedade, assim como qualquer alteração emocional, se torna outro ponto em que devemos ficar atentos, pois a recorrência dela, no dia a dia, pode ocasionar graves problema, como taquicardíaca, falta de ar, tonturas ou insônia, que, sem a nossa devida atenção, pode levar a doenças no sistema circulatório, respiratório, entre outros. 

Outro fator bastante importante é a depressão, que como sabemos, pode ocasionar em diversas reações indesejadas, inclusive dores ou, a longo prazo, outras doenças, quando não tratada de forma adequada.   

Mente sã, corpo são 

Algumas mudanças simples no dia a dia podem contribuir para o aumento da sensação de bem-estar, e, como consequência, os sentimentos mais equilibrados. Nesse contexto, estar em contato com a natureza, parar alguns minutinhos para apreciá-la, pode fazer com que diminua as causas citadas acima, e como consequência, a melhora das dores vão ocorrer. Essa pequena mudança associada a outras, como o repouso adequado para que nosso cérebro esteja apto ao dia seguinte, e até pequenos detalhes, como a ingestão adequada de água, se tornam aliados naturais para o início de uma vida mais equilibrada.  

Por fim, desenvolver inteligência emocional para administrar melhor as emoções, além de ser uma habilidade muito desejada, ela também traz diversos benefícios à saúde.  

Quer saber mais? Clique aqui e conheça mais sobre o que fazemos e nossos resultados!

Scroll to top